Quer tornar seu software robusto? Então você precisa de integração de sistemas

Veja, na prática, como a integração de sistemas pode tornar seu software robusto. Esse é um exemplo real de um dos clientes da FiqOn.

Você sabe o que grandes empresas de software têm em comum?

Todas elas se preocupam em garantir que seus produtos sejam robustos e para que isso aconteça, eles investem em tecnologia.

Empresas líderes de mercado são inovadoras, isso é um fato. Esses empreendimentos estão sempre buscando maneiras de melhorar seus produtos ou serviços, para atender não só as necessidades dos clientes, mas também da empresa. Não medindo esforços para investir em tecnologias que permitam isso.

Justamente porque a tecnologia pode auxiliar as empresas a automatizar processos, reduzir erros e aumentar a eficiência. E essas são as características que impactam diretamente no crescimento da empresa.

Hoje você conhecerá um case de sucesso da FiqOn. Um dos nossos parceiros precisava que seu software fosse mais robusto justamente para oferecer um melhor serviço para seus clientes. Criamos uma integração entre o sistema dele para ajudá-lo a alcançar esse objetivo. 

Confira, na prática, como foi desenvolvida essa integração.

Por que ter um software robusto?

Imagino que você deva estar se perguntando o que de fato é um software robusto.

Um software robusto é aquele maduro o suficiente e com bom funcionamento mesmo em situações fora do comum, como, por exemplo, a emissão de vários relatórios em simultâneo ou até mesmo quando recebe informações de vários sistemas e precisa unificar esses dados. Um bom software é aquele que, ainda assim, continua satisfazendo todas as necessidades do cliente que o utiliza.

Fato é que quanto mais robustez o software tiver, menos propenso a falhas e dependente de manutenção ele será. Já te contamos que os clientes estão cada vez mais exigentes na hora de escolher um produto, afinal, assim como você, dono do produto, ele não deseja ter custos altos com algo que não vai ajudá-lo realmente.

Tá, mas agora imagino que você deva estar se perguntando: como identifico se o meu software é de fato robusto? Se ele é integrado.

Trouxemos isso para a realidade de um de nossos clientes. Confira:

INTEGRANDO PARA TER UM SOFTWARE ROBUSTO

Sobre o nosso cliente

O parceiro que integrou conosco é uma plataforma de marketplace digital que oferece o serviço de marketplace. O foco do nosso cliente é ajudar empresas de todos os portes a vender seus produtos no ambiente digital. 

O problema

Nosso cliente enfrentava o problema de falta de sincronização eficiente entre seus sistemas em relação aos produtos novos, atualização de informações, entre outras coisas. 

Ele precisava que o seu sistema de marketplace, a CaZco, se comunicasse com o sistema de gestão, o Bling. Ele não conseguia fazer isso senão manualmente (transferindo informações uma a uma)

Isso resulta em dificuldades na gestão de produtos e vendas, com informações desatualizadas e falta de integração entre as duas plataformas. O cliente nos relatou sofrer com erros, atrasos e ineficiências na operação.

A FiqOn resolveu esse problema realizando uma conexão entre os sistemas utilizados pelo nosso parceiro. Confira a seguir os sistemas envolvidos nesse fluxo e como foi o passo a passo dessa solução que tornou o software robusto.

Sistemas utilizados na integração

CaZco: a CaZco Digital é um Marketplace Solution as a Service. Trata-se de uma solução para marketplaces que possibilita a oferta integrada de produtos de diversos fornecedores.

Bling: O Bling é um ERP, ou seja, um sistema de gestão que facilita a emissão de notas fiscais e boletos.

A solução, na prática

Desenvolvemos uma integração cujo principal objetivo permite a sincronização de produtos e vendas entre o Marketplace da CaZco e o sistema da Bling. A solução era complexa, por isso, envolveu a criação de alguns fluxos.

➥Confira, a seguir, o passo a passo da criação deles:

a) Fluxo de sincronização (ativação): a FiqOn criou um painel na CaZco onde o cliente pode inserir suas credenciais e ativar a integração. 

Uma vez ativada, o sistema inicia o processo de sincronização de produtos entre as duas plataformas. Durante esse processo, os produtos são copiados e atualizados conforme necessário até que a sincronização esteja completa.

Basicamente ocorre como na imagem abaixo:

b) Fluxo de produtos novos: além disso, a FiqOn implementou um fluxo que verifica se o cliente cadastrou novos produtos. Se novos produtos forem identificados, a solução realiza a sincronização desses produtos também, garantindo que todas as informações estejam atualizadas em ambas as plataformas.

c) Fluxo de atualização de estoque e produto Bling: há também esse outro fluxo ativado por um scheduler, ou seja, um determinado período definido pelo nosso cliente. A partir disso são selecionados os usuários , credenciais e datas no banco de dados, que gera uma estrutura de repetição para rodar o fluxo para cada cliente integrado.

Para cada usuário, o processo inicia com uma autenticação que captura a data atual e compara com a data armazenada no banco de dados, substituindo-a pela mais recente.

A sequência continua com a execução de uma requisição GET na lista de produtos, utilizando a data como parâmetro ‘dataAlteração’, a fim de identificar possíveis alterações. Se nenhum produto foi modificado, o processo é concluído para esse cliente, avançando para o próximo usuário conforme a estrutura de repetição. No caso de produtos alterados, os dados e SKUs são registrados para cada item na array. 

Em seguida, é efetuada uma nova requisição GET na plataforma CaZco, utilizando o SKU como parâmetro. Se o produto é encontrado, é acionado um request para atualizar tanto os dados do produto quanto do estoque, marcando o término do fluxo. Se nenhum produto alterado é identificado, o fluxo direciona-se para o procedimento de cadastro de novos produtos, passando para o próximo usuário.

Ocorre como mostra o fluxo abaixo:

d) Fluxo de cadastro de vendas:

Há também o fluxo de cadastro de vendas da CaZco ativado por um scheduler.. Ele seleciona usuários, credenciais e datas no banco de dados. 

Há uma estrutura de repetição para ativar esse fluxo a cada cliente novo integrado. Dessa forma: para cada venda, coletamos os dados e há a comparação dos itens com a Bling, para converter os dados necessários. Após isso há, de fato, o cadastro automático do pedido na Bling.

Por fim, para cada usuário cadastrado, é realizado uma autenticação que gera a data atual e atualiza no banco de dados

Assim como na imagem abaixo:

e) Fluxo de sincronização CaZco:

Para acompanhar e monitorar o processo, os fluxos de sincronização geram um log no banco de dados do cliente. Esse log registra informações sobre todos os produtos processados, indicando se houve erros ou se a sincronização foi concluída com sucesso. Isso permite que a empresa e o cliente tenham visibilidade total sobre o status da integração e resolvam quaisquer problemas que possam surgir.

O fluxo é como na estrutura abaixo:

-> Em resumo, a FiqOn implementou uma solução que permite que os dados sejam atualizados de forma eficiente e controlada, com monitoramento por meio de logs. 

Viu só como é fácil ter um software robusto?

Para que isso aconteça, você precisa conhecer uma empresa que pode desenvolver uma integração personalizada para você! E estamos falando da FiqOn!

A sua conexão com a FiqOn pode ter condições especiais!

→Clique no botão abaixo e agende agora mesmo uma demonstração da nossa plataforma, de forma totalmente gratuita e sem compromissos.
Você conhecerá a FiqOn enquanto conversa com um dos nossos especialistas sobre as possibilidades de integração para o seu negócio.

Bárbara Lopes

Bárbara Lopes

Bárbara atua como redatora há 3 anos, e vê na comunicação uma excelente ferramenta de transformação (seja a comunicação escrita, verbal e em códigos com as mais diversas linguagens da programação).
Compartilhe